DINAMO Networks participa de evento que discute o futuro do setor de pagamentos e fecha parceria com C9 Coin

Compartilhe esse conteúdo

Empresa especializada em cibersegurança Dinamo Networks e startup blockchain C9 Coin realizam apresentação sobre aplicação real para pagamentos em blockchain com segurança, para diretores e heads de grandes empresas e startups. Encontro acontece em São Paulo e discute as inovações e tendências nos pagamentos

A DINAMO Networks, empresa referência em segurança de identidade digital e criptografia, participa neste mês do Payment Revolution, evento que reúne os principais players do mercado de pagamentos em âmbito nacional e internacional. Durante o encontro, a empresa apresentará a palestra “Como garantir a segurança para novos negócios em blockchain?”, ministrada pelo head de produtos, Jean Michel Guillot e o CEO da C9 Coin, Thiago Ribeiro. Na ocasião, será mostrada uma aplicação real para pagamentos em blockchain. O Payment Revolution acontece nos dias 20 e 21 de setembro no Expo Center Norte, em São Paulo, capital, e as inscrições para participar já estão abertas.

Com mais de 30 palestrantes de empresas e startups, como IFood, Linkedin, Mercado Bitcoin, Celcoin, Itaú, Fintech Magalu e outros, o evento contará com abordagem sobre inovações, tendências, desafios, oportunidades e tomadas de decisões estratégicas para o crescimento e adaptação de novas tecnologias, tudo referente ao setor de pagamentos.

Crescimento da digitalização dos pagamentos

O estudo mais recente do Instituto Propague, Mercado de Pagamentos em Dados, mostrou que, para o mercado de pagamentos, o ano de 2021 foi resumido em uma palavra: digitalização. Isso, porque, segundo a pesquisa, o número de chaves Pix cadastradas aumentou de 134 milhões para, aproximadamente, 381 milhões. Essas chaves realizaram cerca de 144 milhões de transferências em dezembro de 2020 e 1,5 bilhão de transferências em dezembro de 2021, um crescimento de mais de 900% em apenas um ano. Em termos de volume transacionado, o Pix movimentou cerca de R$ 700 bilhões, afirma o estudo.

“O crescimento do setor financeiro e de pagamentos no mundo digital exige serviços de segurança cada vez mais sofisticados. A abordagem e propósito do Payment Revolution é debater como será o comportamento do setor daqui em diante, exatamente o que a DINAMO vem trabalhando ao longo dos anos: buscando entender as demandas e as inovações para que as melhores soluções de segurança sejam criadas”, explica Jean Guillot. “Nesse sentido, o tema de nossa apresentação, novos negócios em blockchain, foi escolhido por estar intrinsecamente ligado ao crescimento da digitalização do mercado financeiro” finaliza.

Blockchain com HSM

À medida que os consumidores migram para o meio digital, o ambiente virtual passa a ser um terreno fértil para fraudes. Porém, com a tecnologia blockchain e o uso do cofre digital da DINANO, ou, Hardware Security Module (HSM) esse risco é praticamente eliminado. Além disso, a tecnologia permite mais agilidade, diminuição de custos e rastreabilidade em transferências e pagamentos.

Uma pesquisa realizada pelo Fórum Económico Mundial (WEF) estima que 10% do PIB mundial serão armazenados e transacionados com a ajuda da tecnologia blockchain até 2027. Outro estudo, realizado pelo banco Goldman Sachs, mostrou que existe uma expectativa de que ações de empresas com exposição ao setor de blockchain expandam anualmente a receita em 16%, até 2024. Os crescimentos refletem a segurança e credibilidade que essa tecnologia apresenta para as operações de pagamentos.


Compartilhe esse conteúdo